segunda-feira ,11 dezembro 2017
Home / Notas / Sargento Silvano defende convocação de concursados da Polícia Militar

Sargento Silvano defende convocação de concursados da Polícia Militar

Candidatos aprovados no concurso público da Polícia Militar do Estado, realizado em 2016, e ainda não convocados a assumir os cargos, acompanharam da galeria popular da Câmara Municipal de Belém, nesta quarta-feira,23, a votação do requerimento apresentado pelo vereador Sargento Silvano (PSD), propondo a inserção nos Anais da casa, a reportagem “Candidatos do Concurso da Polícia Militar em 2016 cobram convocação”, publicada na edição do dia 25 de julho de 2017  do Jornal Diário do Pará. O requerimento, aprovado por unanimidade, também propõe que a decisão seja comunicada ao Governador do Estado, Simão Jatene, e ao Procurador Geral Gilberto Valente.

“Tenho acompanhado de perto essas pessoas que, tendo investido tempo e dinheiro para participar de um concurso público e serem aprovadas nas cinco etapas do certame da Polícia Militar, têm sido incansáveis na luta pelos seus direitos”, defendeu Silvano.

Em apoio ao requerimento, o vereador Fernando Carneiro (Psol) disse que subscreveria o documento em total solidariedade aos candidatos que “infelizmente precisam recorrer à Justiça para garantir seus direitos”. Solidariedade também manifestada pela vereadora Marinor Brito. “Todos sabem da demanda reprimida de policiais em todo o estado, portanto no que depender da mobilização e do apoio da bancada do Psol, vocês vão levar adiante essa luta”, afirmou a vereadora, dirigindo-se ao grupo de candidatos que ocupava a galeria.

Criticando as recentes declarações oficiais da Secretaria de Estado de Segurança Pública, que noticiou a redução da criminalidade no Pará, o vereador Emerson Sampaio (PP) também declarou apoio aos candidatos.

Você pode Gostar de:

Reportagens sobre lei que multa ciclistas é inserida nos anais da casa

Como pedido do vereador Fernando Carneiro (PSOL), na sessão ordinária desta terça feira (14), foi …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *