quinta-feira ,24 setembro 2020
Home / Notícias / Retomada da economia no pós-pandemia é tema de debate na CMB

Retomada da economia no pós-pandemia é tema de debate na CMB

O Presidente da CMB, Mauro Freitas, conduziu a reunião.

Um encontro semipresencial debateu os desafios da economia no pós-pandemia do coronavírus na tarde desta quinta-feira, 24, na Câmara Municipal de Belém. A iniciativa do presidente do poder legislativo, Mauro Freitas, reuniu membros do Conselho Regional e o Sindicato dos Representantes Comerciais, da Associação Paraense de Supermercados, Federação do Comércio do Pará, Sindicato dos Lojistas de Belém e a Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Pará como uma forma de planejar a retomada da rotina do comércio na capital.

Para Mauro Freitas, a iniciativa é o primeiro passo que a Câmara de Belém está dando para a preparação tanto dos setores da economia como dos próprios consumidores no pós-pandemia. O vereador demostrou preocupação com os desempregos que foram gerados nesse período. Segundo ele, a intenção da reunião é intermediar um diálogo com o poder público para que haja colaboração na retomada da rotina econômica da cidade. “Hoje sairemos daqui com um indicativo de qual caminho seguir, atendendo as demandas que me foram repassadas. Todas chegarão ao conhecimento da gestão municipal”, afirmou Mauro.

O presidente do Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Pará, Hely Ricardo, falou sobre a necessidade de uma linha de financiamento do município para que a categoria encontre um meio de trabalhar com carga tributária adequada. Hely citou que o ISS é um grande problema dos representantes comerciais. “A possibilidade de dialogar com as autoridades nesse período nos deixa muito otimistas com o futuro. Agradecemos ao presidente da CMB e ao prefeito de Belém pela sensibilidade”.

Uma das atividades consideradas essenciais durante a pandemia foi a distribuição de produtos. O presidente da Associação dos Distribuidores e Atacadistas do Pará, Geam Freitas, destacou que alguns seguimentos da cadeia de abastecimento sofreram bastante como hotéis, bares e restaurantes, mas que outros se mantiveram ou até expandiram, como empresas que trabalham por delivery. Ele também falou sobre as barreiras sanitárias que criaram impedimentos para o transporte dos produtos. “Priorizamos o pequeno varejo dos bairros que é um importante canal de compras em razão da praticidade e que foi importante nesse momento para reduzir a circulação nas ruas”.

A correria rumo aos supermercados no inicio da proliferação do vírus foi lembrada pelo presidente da Associação Paraense de Supermercados, Jorge Portugal. De acordo com ele, a população se preocupou com o desabastecimento, mas a categoria trabalhou muito para que isso não acontecesse. Ele citou também a preservação dos 35 mil empregos diretos gerados nos supermercados. “Como ficamos abertos, não poderíamos abdicar dos nossos funcionários. Tomamos todos os cuidados e os orientamos sobre as precauções, tanto que o número de funcionários afastados foi insignificante por conta de contaminação”.

Para Sebastião Campos, Presidente da Federação do Comércio do Pará, a reunião serviu para aprender e trocar experiências sobre esse momento atípico que estamos vivendo. Ele elogiou a conduta da gestão municipal para conduzir tanto o fechamento quando a retorno das atividades comerciais e também citou a preocupação em ter um novo lockdown, como aconteceu em outras cidades do Brasil. “Nosso maior desafio agora é observar o comportamento do consumidor. Saber com que frequência ele vai consumir. Esperamos que a curva possa decrescer e que possamos voltar a criar oportunidades”.

Joy Colares, Presidente do Sindicato dos Lojistas de Belém, se mostrou bastante esperançoso para o retorno do comércio e disse que aos poucos as atividades estão sendo retomadas, mas com muita precaução. Joy lembrou que para preservar a população foi feita a sanitização de todo o espaço do comércio antes da retomada e citou que uma grande ajuda nesse período seria a reforma do centro histórico de Belém, incluindo o centro comercial, junto com seu ordenamento.

Você pode Gostar de:

Câmara aprova projetos em bloco

Plenário durante a sessão desta terça-feira, 22. Na manhã desta terça-feira, 22, a Câmara Municipal …

Skip to content