sábado ,6 junho 2020
Home / Notícias / Guarda Municipal de Belém completa 28 anos e recebe homenagens na CMB

Guarda Municipal de Belém completa 28 anos e recebe homenagens na CMB

Vereador Sargento Silvano durante os parabéns para a Guarda Municipal

Em clima de festa, mas também de cobranças e reivindicações,  a Câmara Municipal de Belém realizou na manhã desta quarta-feira,25, sessão especial  proposta pelo vereador Sargento Silvano (PSD) em comemoração aos 28 anos de implantação da Guarda Municipal de Belém.  Instituída pela  Lei Municipal nº 7.346, de 14 de outubro de 1986, a GMB foi implantada em 27 de setembro de 1991 tendo como principais atribuições proteger a população, guarda e proteção dos parques, praças, jardins e demais logradouros públicos, além de colaborar na fiscalização de trânsito do município.

Para o vereador Sargento Silvano o trabalho da GMB vai muito além do que prevê a legislação vigente. ” É com muita honra que estou aqui hoje para não só homenagear, mas principalmente agradecer a esses homens e mulheres que se  dedicam a proteger nossa cidade, muitas vezes infelizmente sacrificando a própria vida para isso e sem ter o reconhecimento merecido tanto das instituições quanto da mídia. Essa festa é para os senhores e suas famílias.Deus nos trouxe aqui para que esta casa possa lhes parabenizar e agradecer pelo seu trabalho”, declarou o vereador.

Durante a sessão todos os pronunciamentos foram unânimes em reconhecer o apoio que a GMB tem recebido do Vereador Silvano e um episódio em especial foi bastante lembrado pelos guardas presentes para destacar esse apoio. Trata-se do caso da detenção de um jovem na Praça da República em fevereiro deste ano, que teve bastante repercussão na imprensa , mas de forma negativa, como ressaltou o presidente do Sindicato dos Guardas Municipais de Belém, Geraldo Robson Marques. ” Sou guarda municipal há 28 anos e tenho respaldo pra vir aqui agradecer  a postura do vereador  Sargento Silvano naquela ocasião. Somos gratos a quem nos apoia, principalmente em situações em que a força é necessária. A mídia de modo geral tende a transformar bandido em mocinho e em coitadinho. Coitadinho nada. Bandido tem que levar  tiro é  na cabeça. Direitos humanos é pra cidadão. Por isso nosso reconhecimento ao senhor, vereador,  que já demonstrou inúmeras vezes estar do nosso lado”, desabafou o agente.

A  perda de colegas da GMB no desempenho da função foi  lamentada pelo diretor da Divisão de Operações da corporação, Inspetor Guilherme. ” Tenho  orgulho de trabalhar ao lado desses homens que representam a alma  da Guarda Municipal de Belém. Infelizmente muitos colegas perderem a vida no cumprimento do seu trabalho e isso foi muito doloroso para todos nós.  A  Guarda faz parte da minha vida assim como de todos os senhores, então quero agradecer pela  dedicação e pela competência de todos e pedir que  façam o trabalho de vocês lembrando que por trás de  cada um  há uma corporação e as suas famílias esperando que voltem pra casa”. Em respeito aos guardas municipais falecidos, a sessão foi interrompida para um minuto de silêncio.

O reconhecimento também deu o tom no discurso do presidente da Associação Municipal Independente de Guardas (Amig),  Jadicael Oliveira. ” Quero agradecer pessoalmente ao sargento Silvano e dizer o quanto me senti lisonjeado quando o vereador defende com veemência os guardas municipais nesta casa de leis. Aproveito ainda para pedir aos vereadores que incluam no orçamento municipal emendas que garantam recursos para material, estrutura e reajuste do nosso salário-base que hoje  está abaixo do salário mínimo, o que é uma vergonha. Além disso reivindicamos a implantação do nosso PCCR que conseguimos com muita luta. Concluo dizendo que respeito muito essa tropa e que esses homens são  referência pra mim. Meu agradecimento a todos que estão aqui e também aos que não puderam vir”.

Pela Federação dos Sindicatos de Guardas Municipais do Estado do Pará, o guarda Carlos Dimitri Cavalcante endossou as declarações sobre a necessidade de melhorias imediatas para as corporações. ” Existem muitas diferenças entre as Guardas, tanto dentro do Pará quanto em todo o Brasil. Lutamos pelo reconhecimento do nosso trabalho como atividade policial, até porque já é uma atribuição natural no nosso dia a dia. Só em Belém 28 companheiros tombaram no exercício da sua função.  Hoje nós somos alvos,somos troféus para a criminalidade e estamos perdendo para a falta de estrutura em todos os níveis. Então devemos sim comemorar toda e qualquer conquista, como o anúncio feito pela Prefeitura de Belém, sobre a construção de um condomínio no bairro da Pratinha, específico para a moradia de guardas municipais. Vamos hoje aproveitar o nosso dia com tranquilidade.Parabéns a todos nós, que nós merecemos”, concluiu.

A sessão comemorativa aos 28 anos da GMB foi encerrada com a entrega de diplomas de reconhecimento a 140 agraciados, seguida de um coffee break aos convidados.

 

Alguns dos guardas Municipais homenageados

Você pode Gostar de:

Vereadores lamentam a morte de profissionais da saúde durante a pandemia

O proponente do requerimento, Dr. Elenilson Santos, debatendo o tema de forma virtual. Nesta quarta-feira, …

Skip to content