segunda-feira ,20 novembro 2017
Home / Vereadores / AVANTE / Dia Nacional da Cultura é lembrado na CMB

Dia Nacional da Cultura é lembrado na CMB

Grupo Cultural “Ananindance” durante a apresentação

A valorização da cultura e as ações que estão sendo feitas pela prefeitura de Belém centralizaram o debate durante a sessão especial da tarde desta segunda feira, 06, na Câmara Municipal de Belém.  Em comemoração ao “Dia Nacional da Cultura”, festejado todo dia 05 de Novembro, a proposta do Presidente da casa, vereador Mauro Freitas (PSDC), reuniu parlamentares da capital, representantes da Fundação Cultural de Belém, além de artistas locais e do grupo folclórico “ananindance” que trouxe as toadas de boi em uma apresentação cultural.

Como incentivador da cultura do município, o proponente da sessão falou sobre os projetos de autoria própria que valorizam nossa música, culinária e casarões antigos. Mauro Freitas lembrou a lei Pinduca, que obriga as rádios a tocarem o nosso carimbó e que teve ampla divulgação e aceitação. A lei que instituiu o Dia municipal da Cultura Reggae com o tributo a Bob Marley também foi pontuada, assim como  a semana do sambista que está sendo organizada para o mês de dezembro com uma vasta programação e o Dia Municipal do Açaí. Freitas também anunciou que a Lei de incentivo a cultura, intitulada Tó Teixeira, sofrerá mudanças e que a população será ouvida e opinará sobre as modificações.

Proponente da sessão, vereador Mauro Freitas

Como ações atuais, Mauro Freitas destacou o projeto que visa transformar o Palacete Pinho no Museu de Portugal. A intenção é junto com a iniciativa privada manter o casarão histórico em perfeito estado de conservação e transformar um local quase sem utilidade em um ponto turístico. “Sempre penso em todos os seguimentos da cultura, em como podemos colocá-los em evidência, como podemos proporcionar melhorias pra essas pessoas que merecem nosso reconhecimento e que trabalham pra divulgar o que é nosso”, disse Mauro.

O vereador Fabrício Gama (PMN) lembrou que foi presidente da liga das escolas de samba e que muito fez para levantar o nosso carnaval que já foi um dos maiores e referência em todo Brasil. ” Sempre busquei parceria, divulgação para o carnaval, incentivo para as escolas de samba e já estou mobilizando o seguimento para que o nosso carnaval aconteça esse ano”, disse Fabrício. Rildo Pessoa (Avante) acrescentou dizendo que entre seus projetos sociais está incentivo a dança, a música dentro das comunidades e que isso é um ponto chave para que as crianças e jovens saiam do mundo da criminalidade.

Mestre Laurentino

Representando os artistas locais, o presidente da casa homenageou dois divulgadores da cultura paraense. O roqueiro mais antigo do Brasil, Mestre Laurentino, recebeu a medalha e diploma de Mérito Cultural “Mestre Verequete”. A honraria é concedida àqueles que são reconhecidos pelo trabalho cultural feito em Belém e no estado. “Fico muito feliz de ser lembrado aos 91 anos de idade. Isso me dá forças pra continuar levando alegria ao meu povo que tanto me aplaude”, disse Laurentino.

O grafiteiro Sebá Tapajós, que estampa o plenário Lameira Bittencourt com uma de suas artes, também foi homenageado na sessão especial. Representado por Matheus Barros, vice presidente o Instituto Street River, Sebá também recebeu a medalha e diploma de Mérito Cultural “Mestre Verequete”, além do título de Cidadão de Belém. “Somos reconhecidos pelo Iphan como fundadores da primeira galeria fluvial do mundo com o projeto street river na ilha do Combú. Estamos muito felizes com essa homenagem e valorização”, concluiu Matheus.

Vereador Mauro Freitas, Matheus Barros, vice presidente do Instituto Street River, Mestre Laurentino e os vereadores Fabrício Gama e Rildo Pessoa

Você pode Gostar de:

Sessões especiais vão homenagear o dia nacional da cultura e da consciência Negra

No próximo dia 06 de novembro, às 15h, uma sessão especial vai reunir vários segmentos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *