segunda-feira ,21 Maio 2018
Home / Vereadores / Bieco / Debate sobre garantia de direitos marca o Dia Nacional do Assistente Social na CMB

Debate sobre garantia de direitos marca o Dia Nacional do Assistente Social na CMB

Vereador e futuro assistente social, Bieco festejou a data homenageando profissionais e instituições do Serviço Social.

O reconhecimento da importância do profissional de Serviço Social na defesa dos direitos humanos e na luta pela garantia de melhores condições de vida, saúde e trabalho para os grupos sociais menos favorecidos na sociedade pontuou a sessão especial realizada nesta terça-feira,15, na Câmara Municipal de Belém em comemoração ao Dia Nacional do Assistente Social.

Iniciativa do vereador Bieco (PR) a sessão foi aberta pela apresentação da banda de Música da Guarda Municipal de Belém e reuniu representantes de órgãos públicos que atuam sob a ótica da assistência social e direitos humanos como a Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa), Fundação Papa João XXIII (Funpapa), Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), Conselho Regional de Serviço Social (Cress), coordenadores das faculdades que oferecem o curso de Serviço Social, profissionais e estudantes da área e a participação dos vereadores Marinor Brito (PSOL) e Gustavo Sefer (PSD).

O Dia Nacional do Assistente Social  foi instituído pela Lei nº 3.252, de 27 de Agosto de 1957, através do Decreto Federal nº 994, de 15 de Maio de 1962, que regulamenta e oficializa a profissão no Brasil.

Vereador Bieco destaca o papel do assistente social na garantia de direitos e do bem estar da sociedade.

Como futuro assistente social de formação, o vereador Bieco falou sobre a satisfação de presidir a homenagem do legislativo a essa categoria profissional. ” Muitas vezes as pessoas confundem serviço social com assistencialismo, o que não é. O serviço social é garantia de direitos, do direito à vida digna principalmente”, declarou o parlamentar que decidiu aliar sua longa prática de trabalho social com a formação teórica da graduação superior. ” Antes de ser vereador,há mais de 10 anos eu já tinha uma atuação social muito forte na comunidade e conheço a carência da população e aprendendo a teoria quero poder no futuro ajudar ainda mais pessoas e sei que o curso de Serviço Social que eu faço hoje na Unama vai me dar a qualificação necessária para desempenhar ainda melhor o  meu trabalho como  vereador”, afirmou Bieco.

vereador Bieco homanageia com Diploma de Honra ao Mérito a professora Zoraide Leitão, mais antiga docente do curso de Serviço Social da Unama.

 

Há 30 anos a Unama formava a primeira turma do curso de Serviço Social. A professora Zoraide Leitão estava entre os formandos e hoje é a professora mais antiga do curso, atuando na instituição. Ela avalia que de lá para cá , quando só Unama e Universidade Federal do Pará ofereciam a formação na área, o que se observa é que o curso cada vez mais se qualifica porque as demandas da sociedade são outras, advindas da modernidade, da sociedade capitalista. “Essas expressões que surgem a partir do acirramento das desigualdades sociais a gente tem que dar conta. São novas demandas que vêm para o serviço social. Então a gente tem que estar se atualizando sempre. O assistente social é um profissional que tem que estar desafiando o que está posto aí”, conclui a professora.

 

Um dos principais desafios enfrentados pelos profissionais da assistência social, é  conseguir decifrar todas as expressões da questão social no contexto de crise que o país enfrenta hoje, como explica a professora Marisa Lima, do curso de Serviço Social da Universidade da Amazônia (Unama). “Se  eu tenho um país em crise, tenho um aumento das expressões daquestão social, o aumento das desigualdades e nós assistentes sociais precisamos lutar pela garantia de direitos. Hoje para nós estar aqui é motivo de alegria, porque o Dia do Assistente Social é um dia em que nós como classe trabalhadora nos colocamos resistentes diante de todas as dificuldades de todo esse processo que tem sido criado em nível nacional”, disse Marisa.

A sessão em homenagem ao Dia do Assistente Social foi encerrada com a entrega do diploma de Honra ao Mérito a diversos profissionais e representantes das instituições ligadas à formação e ao trabalho em assistência social.

Você pode Gostar de:

Vereadores aprovam  homenagens para  a TV Liberal e Universidade do Estado do Pará

Os 42 anos de fundação da TV Liberal serão comemorados  em sessão especial na Câmara …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *