quarta-feira ,13 novembro 2019
Home / Notícias / CMB comemora o Dia Municipal do Representante Comercial

CMB comemora o Dia Municipal do Representante Comercial

Eles somam mais de 20 mil profissionais no estado, sendo 20% atuando na capital. Os representantes comerciais são responsáveis pela venda de produtos que consumimos diariamente, desde a nossa alimentação, ao transporte, além de contribuir para o desenvolvimento econômico do estado. No calendário oficial do município, todo dia 1º de outubro é comemorado o Dia Municipal do Representante Comercial, de acordo com a lei nº 9.292, de 26 de junho de 2017, proposta pelo presidente da CMB, vereador Mauro Freitas (DC). Nesta terça-feira, 01, uma sessão especial lembrou a data na Câmara Municipal de Belém.

O autor da lei e da sessão, Mauro Freitas, lembrou que a cerca de 3 anos foi procurado pelo sindicato dessa categoria que tanto trabalha por Belém. Uma das demandas solicitadas foi a criação de um dia no calendário oficial da capital e a redução de impostos. Segundo o presidente, os motivos para atender ao pedido eram vários, já que Belém tem indústrias, serviços e o comércio como a base de tudo. “Isso justifica a necessidade de ter essa representação e da proximidade com a gestão pública que é o que estamos fazendo. A população vive dos produtos que vocês nos trazem. É uma homenagem muito justa”, afirmou o presidente da Câmara de Belém.

Mesmo com o país em crise, a categoria tem se esforçado para contribuir com a economia local, segundo o presidente da Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado do Pará (Core), Hely Ricardo de Lima. Ele destacou que os profissionais são vencedores por estarem passando por esse momento e por terem energia em enfrentar as dificuldades. “O conselho está no mercado há 52 anos fiscalizando e fazendo cumprir a lei que regulamenta nossa profissão, além de organizar a categoria para que juntos possamos ter ganhos enquanto classe trabalhadora”, afirmou Hely.

Na relação de consumo, mais de 90% de todas as negociações no processo de compra e venda dependem do representante comercial. Rita de Cássia, Presidente do Sindicato dos representantes comerciais do Pará, enfatizou, além de afirmar que o profissional atua como um grande elo entre a indústria e o mercado. Ela também lembrou que desde o momento em que a profissão foi regulamentada e aprovada em congresso nacional, os profissionais passaram a ser vistos como empresários que contribuem para o desenvolvimento econômico. “ Apesar das dificuldades que estamos vivendo, nossa profissão ficará cada vez mais forte. Há 27 sou representante e tenho muito orgulho disso”, destacou.

O presidente da Federação do Comércio e do Sebrae, Sebastião Campos, Sebrae, destacou que a Câmara de Comércio do Brasil e da China estão em negociação e que existe uma possibilidade de negócios para o estado do Pará. Sebastião também solicitou ao presidente uma lei que regulamente o funcionamento do comércio aos domingos, como já existe em algumas capitais do Brasil. O presidente da Fecomercio ressaltou que já existe uma lei em vigor em Belém com esse tema, mas que necessita de um acordo coletivo para essa abertura, o que tem prejudicado o cumprimento. Dessa forma, o pedido foi para que fosse revogada a lei e uma nossa fosse aprovada. Mauro Freitas se comprometeu em fazer um estudo para que a lei pudesse ser colocada em votação.

Ao final da sessão cerca de 50 representantes comerciais receberam um certificado de agradecimento pelos serviços prestados a sociedade.

Você pode Gostar de:

Dia Mundial de Luta contra a Aids será lembrado em sessão especial

Em Belém a Casa Dia é referência no atendimento a pessoas vivendo com o HIV. …

Skip to content