domingo ,9 dezembro 2018
Home / Notícias / CMB aprova títulos de Patrimônio Cultural e Imaterial

CMB aprova títulos de Patrimônio Cultural e Imaterial

Na sessão ordinária desta terça feira, 18, a CMB aprovou a concessão de Títulos de Patrimônio Cultural e Imaterial  a pontos turísticos e eventos de Belém. Os projetos foram aprovados em bloco e de forma simbólica. Pela ordem, o primeiro a entrar em discussão foi o da vereadora Marinor Brito (PSOL) que concede o título a Festa da Chiquita. “O evento é um tradição nossa e precisava ser reconhecido”, disse Marinor.

De autoria do presidente da casa, Vereador Mauro Freitas (PSDC) , os feirantes e as boieiras (vendedoras de refeição) do ver-o-peso também foram reconhecidas. “Esse título é pra parabenizar o trabalho dessas pessoas que recebem muito bem os nossos turistas. Que acordam cedo pra trabalhar e movimentar a maior feira da américa latina.

A procissão do Círio de Nossa Senhora de Nazaré também foi reconhecida com o título de patrimônio cultural e imaterial de Belém, assim como o artesanato de miriti que é utilizado pelos promesseiros para simbolizar o testemunho de fé por uma benção alcançada. A proposta foi do vereador Emerson Sampaio (DEM).

Reconhecer o surf de água doce foi uma proposta do vereador Elenilson Santos (Avante). Para o parlamentar não há dúvida de que a prática do esporte é possibilitada por um belo fenômeno natural e exclusivo que ocorre nas praias de mosqueiro e Cotijuba.

O projeto de conceder o título a praça de república foi de autoria do vereador Amaury da APPD (PT) e o que concede o título de patrimônio cultural e imaterial para os vendedores de cocos da orla de icoaraci foi proposto pelo vereador Marciel Manão (PEN).

Você pode Gostar de:

Lei Orçamentária Anual para 2019 é aprovada na CMB

Em sessão extraordinária, nesta quarta-feira, 05, os vereadores da Câmara Municipal de Belém votaram o …

Skip to content