domingo ,9 dezembro 2018
Home / Vereadores / AVANTE / Belém terá campanha de prevenção ao suicídio no calendário oficial

Belém terá campanha de prevenção ao suicídio no calendário oficial

O autor do projeto, vereador Dr. Elenilson (Avante)

 

A partir do ano que vem, o mês de Setembro será dedicado a prevenção ao suicídio. A intenção do projeto de lei apresentado pelo vereador Dr. Elenilson (Avante) e aprovado nesta terça-feira, 27, é fazer uma grande campanha de conscientização com o objetivo de alertar e esclarecer a população a respeito da realidade do suicídio em Belém, no Brasil e no mundo. O setembro amarelo terá o dia 10 do mesmo mês como Dia Municipal de Prevenção do Suicídio.

De acordo com o projeto, o momento será dedicado a promoção de debates e reflexão sobre o tema. A campanha terá como símbolo um laço de fita de cor amarela. Os prédios públicos e privados poderão ser iluminados na cor amarela para chamar a atenção da população de forma visual. A campanha tem como objetivo o envolvimento dos poderes públicos e os segmentos organizados da sociedade civil. “O suicídio tem sido um mal silencioso. Muitas pessoas fogem do assunto ou desconhecem os sinais de que uma pessoa próxima está com idéias suicidas. Precisamos prevenir e lutar pela criação de políticas públicas”, disse o vereador autor do projeto.

Pelos números oficiais, são 32 brasileiros que cometem suicídio por dia, taxa superior às vitimas da Aids e da maioria dos tipos de câncer. O Ministério da Saúde também mostra que de 2011 a 2015 o número aumentou 12% e que é a quarta maior causa de morte entre os jovens de 15 a 29 anos. O estudo mostrou ainda que a existência de um Centro de Atenção Psicossocial (Caps) nas cidades reduz em 14% o risco de suicídio, mas essas instituições estão presentes em apenas 2463 dos quase 6 mil municípios brasileiros. Belém possui 5 Caps, dois no bairro da marambaia, um no distrito de Icoaraci, um no bairro da cremação e outro na pedreira. Esses locais, segundo a Organização Mundial da saúde conseguem prevenir 9 em cada 10 casos. Basta a pessoa ter acesso ao serviço e procurar ajuda.

Você pode Gostar de:

Lei Orçamentária Anual para 2019 é aprovada na CMB

Em sessão extraordinária, nesta quarta-feira, 05, os vereadores da Câmara Municipal de Belém votaram o …

Skip to content