domingo ,22 outubro 2017
Home / Vereadores / Adriano Coelho / Atendimento municipal a crianças autistas tem repercussão positiva na Câmara

Atendimento municipal a crianças autistas tem repercussão positiva na Câmara

Vereador Adriano Coelho, à frente da causa por melhor atendimento às crianças autistas.

A política pública municipal de atendimento a crianças portadoras da síndrome do autismo foi destacada na sessão ordinária desta terça-feira,19, na Câmara Municipal de Belém. Por iniciativa do vereador Adriano Coelho (PDT), via requerimento aprovado à unanimidade, será incluída nos Anais da Casa, matéria publicada no Jornal Diário do Pará do último dia 14 de setembro, na coluna do jornalista Mauro Bonna, sob o título “Seminário foca o Autismo”, na qual a psicanalista Ângela Vorcaro destaca que a hipersensibilidade da criança autista exige que sua aprendizagem se dê priorizando os seus interesses, e não os da grade curricular das escolas e instituições.

Em sua justificativa, Adriano Coelho abordou a situação do autismo em Belém a partir do primeiro mandato do prefeito Zenaldo Coutinho. ” É significativo que à época em que o prefeito Zenaldo Coutinho assumiu o cargo, houvesse pouco mais de 200 crianças diagnosticadas com a síndrome do autismo e que hoje, pouco mais de sete meses do início do seu segundo mandato na Prefeitura, já sejam mais de 2 mil crianças diagnosticadas e quase 500 cuidadores dando assistência a essas crianças nas escolas do município”, ressaltou o vereador.

Sobre o que considera um crescimento exponencial no registro de diagnósticos, Adriano Coelho disse que ao mesmo tempo em que lamenta o aumento do número de crianças atingidas pela síndrome do autismo, fica satisfeito pela condução que o poder municipal vem dando a essa questão e também em relação a outras síndromes.

Mutirão

Com foco num universo de crianças que apresentam sintomas, mas ainda não foram diagnosticadas com a síndrome do autismo, o vereador Adriano Coelho anunciou que, com o apoio do prefeito Zenaldo Coutinho, manifestado em recente reunião com o parlamentar e entidades envolvidas com a causa, vai realizar junto com as secretarias municipais de Saúde e de Educação, um mutirão para a emissão de laudos, para que essas crianças possam receber atendimento direcionado. ” Essa ação vai ser de grande relevância, sem dúvida, porque nós vamos ter cerca de 2500 crianças recebendo esse atendimento especializado, que gostaríamos que fosse multidisciplinar, pois é o mais adequado para esse público. Vale destacar a sensibilidade do nosso prefeito para essa causa que é uma das nossas principais bandeiras de luta desde o início do nosso mandato”, afirmou.

Museu

A crise econômica que ameaça o Museu Paraense Emílio Goeldi continua mobilizando os parlamentares de Belém em manifestações de apoio e de repúdio ao corte de 44% feito pelo governo federal no orçamento do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, o que afeta o repasse de recursos que garantem a manutenção do centenário centro de pesquisas da Amazônia. Na sessão ordinária desta terça-feira,19, requerimento do vereador Igor Andrade (PSB) solicitou inserção nos Anais da Casa de matérias publicadas nos jornais O Liberal  e Diário do Pará do dia 4 de setembro, sob os títulos “Mobilização denuncia ameaça ao museu” e “Biólogos fazem ato em favor do Museu Emilio Goeldi”, respectivamente. O requerimento foi aprovado à unanimidade.

 

Você pode Gostar de:

Autoridades em Direitos Humanos são homenageadas na Câmara Municipal

Uma nova maneira de abordar e debater o tema Direitos Humanos, com o conhecimento e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *