domingo ,22 outubro 2017
Home / Vereadores / Mauro Freitas / Representantes comerciais comemoram data oficial no calendário de Belém

Representantes comerciais comemoram data oficial no calendário de Belém

O proponente da sessão, vereador Mauro Freitas, com o Presidente do Core, Hely Ricardo de Lima e o deputado estadual Coronel Neil

Da simples capinha de uma caneta ao computador. Da bicicleta ao carro do ano. De um grampo ao vestido de festa. Do iogurte à garrafa de vinho. A maioria das pessoas nem percebe, mas em qualquer situação cotidiana uma presença é incontestável: a do representante comercial. E para dar a esse profissional o merecido destaque no cenário da cidade, uma sessão solene na Câmara Municipal de Belém comemorou nesta segunda-feira,2, o Dia Municipal do Representante Comercial, celebrado em 1º de outubro de acordo com a lei nº 9.292, de 26 de junho de 2017, proposta pelo presidente da CMB, vereador Mauro Freitas (PSDC). Além dos representantes comerciais, a sessão também contou com o apoio do Deputado Estadual Coronel Neil e do Superintendente do Sebrae, Fabrízio Guaglianone.

No Pará, a representação comercial é exercida por cerca de 20 mil profissionais, sendo que deste total 20% atuam em Belém. Para o presidente do Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado do Pará (Core), Hely Ricardo de Lima, a homenagem na CMB prestigia uma categoria que desenvolve e gera muitos empregos no estado. ” Só temos o que agradecer, em especial ao vereador Mauro Freitas que instituiu um dia municipal dedicado a nós, na mesma data do dia panamericano da categoria, criado em 1937 justamente para propor reformas que resgatam nosso trabalho. Hoje temos uma lei, a 4886, que nos respalda numa possível rescisão de contrato, o que não acontecia antes”, ressalta Lima, referindo-se ao fato de que por muito tempo o representante comercial não era visto como empresário. ” Numa conta rápida, imagine 18 mil representantes vendendo 100 mil reais, com 3% de comissão, gerando empregos, movimentando a economia do país. Então realmente é uma honra muito grande pra nós estarmos aqui tendo esse reconhecimento”, afirmou.

Hely Ricardo reitera o papel do representante comercial na relação de consumo afirmando que 95% de todas as negociações nesse processo dependem desse profissional, de forma que ele atua como um grande elo entre a indústria e o mercado.

Vereador Mauro Freitas durante o discurso

Apesar disso, em alguns momentos a categoria se ressente de não ter maior incentivo para exercer a atividade devido à carga tributária no segmento de serviços. Nesse aspecto os profissionais também contam com o apoio de Mauro Freitas. ” Impressionante nós estarmos falando de uma categoria que gera todos os serviços da cidade e que representa no mínimo 50 mil pessoas na capital, uma vez que cada representante comercial deve obrigatoriamente ter mais dois profissionais e um preposto a seu serviço, juntando-se a esse número as suas famílias. Poucos munícipes conhecem a história dos representantes comerciais em nossa cidade. Por isso hoje nós estamos reconhecendo o setor que mais gera emprego e negócios aqui. Estávamos em débito com esses profissionais, que estão diretamente ligados ao nosso cotidiano. A Câmara precisou de 401 anos para fazer esse reconhecimento e é uma honra, um orgulho muito grande pra mim ter sido o autor do projeto que criou o Dia Municipal do Representante Comercial”, declarou o parlamentar.

Sobre a questão tributária, apontada como principal dificuldade para o desempenho das atividades dos representantes comerciais, Mauro Freitas informou que já está discutindo o assunto diretamente com a prefeitura de Belém e que após o Círio de Nazaré, a redução da alíquota do ISS para a categoria, que hoje é de 5%, estará na pauta de uma reunião com o executivo. ” Nós queremos reduzir essa alíquota para atrair o representante comercial de outras regiões, para Belém. Não podemos perder essa força de trabalho para outros municípios. Para se ter uma ideia, em Marituba a taxa é de 3%, enquanto aqui é 5%. A prefeitura sinalizou positivamente sobre a redução e estou muito orgulhosos de poder contribuir efetivamente para isso, pois apoiar o representante comercial é gerar renda para Belém”, afirmou.

Rita de Cássia, vice presidente da Fecomércio-PA

Pioneira como representante comercial no setor de autopeças, a primeira-secretária do Core e vice-presidente da Federação do Comércio do Estado do Pará, Rita de Cássia de Oliveira, atua há 25 anos num segmento tradicionalmente machista, e se orgulha da história vivida até aqui. ” É uma profissão que eu gosto, embora haja poucas mulheres atuando no setor de autopeças. No início foi mais difícil porque é um mercado muito fechado pelos homens, mas com firmeza e profissionalismo consegui me impor e nunca tive problemas. Hoje estou aqui e muito feliz por estar sendo homenageada pelo que faço. Essa homenagem é grandiosa pela grande importância que tem essa categoria, onipresente na vida das pessoas e uma alavanca para o desenvolvimento do país”, destaca Rita Oliveira.

Manifestando igual satisfação pela homenagem recebida, o presidente do Sindicato dos Representantes Comerciais do Pará,  Francisco Osmar Fernandes considera fundamental o reconhecimento. ” Já era hora de alguém perceber a importância dessa categoria, que faz jus a toda homenagem que recebe, pois se dedica com muita determinação ao seu trabalho. Falo pelos 58 anos que atuo como representante comercial e pelos desafios que enfrentei para chegar até aqui”, concluiu.

Representantes comerciais homenageados

Você pode Gostar de:

CMB criará frente parlamentar para debater a Lei Kandir

Sob perspectiva de que sejam discutidos os impactos, as soluções e que a Lei Kandir …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *